Mensagens
Anunciar e Vender
  1. Página principal
  2. Lazer
  3. Livros - Revistas
  4. Ciências Sociais
  5. Ciências Sociais - Lisboa
  6. Ciências Sociais - Benfica
"Lógica Racional geométrica e Analítica" D.ANTONIO INFANTE DE PORTUGAL
"Lógica Racional geométrica e Analítica" D.ANTONIO INFANTE DE PORTUGAL
"Lógica Racional geométrica e Analítica" D.ANTONIO INFANTE DE PORTUGAL
"Lógica Racional geométrica e Analítica" D.ANTONIO INFANTE DE PORTUGAL
"Lógica Racional geométrica e Analítica" D.ANTONIO INFANTE DE PORTUGAL
"Lógica Racional geométrica e Analítica" D.ANTONIO INFANTE DE PORTUGAL
"Lógica Racional geométrica e Analítica" D.ANTONIO INFANTE DE PORTUGAL
DestacarPara o topo
  • Particular

  • Entregas OLX

Descrição

Obra de grande qualidade e raridade com carimbo "com Privilégio real"
toda a obra e encadernação da época do mesmo, não tem qualquer falha na sua de folhas no seu interior, que por sinal está em muito bom estado de conservação, o que o torna ainda mais raro, pois na pesquisa que efetuei, encontrei um exemplar que tinha algumas faltas de páginas iniciais no seu interior.

"Obra muito útil, e absolutamente necessária para ingressar em qualquer ciência, e também para todos os homens, que em qualquer pessoa em particular, queiram fazer uso do seu entendimento, e explicar as suas ideias em termos claros, próprios e inteligíveis. Dedicado a AO SERENISSIMO SENHOR D. ANTONIO, INFANTE DE PORTUGAL, Encomendado por MANOEL DE AZEVEDO FORTES, Cavalleiro professo da Ordem de Cristo, Académico da Academia Real da História Portugueza, Sargento mór de Batalha dos Exercitos de Sua Magestade, e Engenheiro mór destes Reynos , & LISBOA: Na Officina de Jozé Antonio Placas. M.DCC XLIV. [1744] Com todas as licenças necessárias. Fólio de 30,6x21,6 cm. Com [xxxvi], 151, [i em br.], 270, 224 páginas. Encadernação de toda a época da pele, com rótulo vermelho, nervos e ferros dourados. Folha castanha e verde com pequena flor decorativa. Impresso com muita clareza em caracteres redondos e itálicos. Exemplar com desgaste na corrente, com faltas superficiais de pele nas capas , não na lombada, que são raros. espécimes. O Exemplar do Catálogo de Azevedo e Samodães, não contém falhas mo seu interior. Foi desenhado por Vieira Lusitano e gravado por Olivier Cor. Obra muito rara e importante para o estudo da receção, difusão e influência das ideias do Iluminismo, especialmente de Descartes. Foi publicado com grande apoio do poder, especialmente do Infante D. António (personalidade que merece um estudo detalhado e que foi aluno de Azevedo Fortes) ou que foi posto à prova pela grande beleza e aparato tipográfico do livro. Pedro Calafate, na apresentação da edição de 2002 da primeira parte desta obra, afirma que a mesma: “constituiu um veículo privilegiado para a concretização do ideário das Luzes em Portugal, não apenas um plano de lógica, como também nos nossos domínios de filosofia e história, ética, filosofia política, física, teodiceia e pedagogia, temas abordados num quadro totalmente eclético. » As páginas preliminares contêm a dedicatória do autor ao Infante D. António; um extenso prefácio como título de Antelóquio; como licenças com aprovações de D. Luís Caetano de Lima, Frei Tomás de S. José, Padre Manuel de São Lourenço Justiniano, Frei António de Santa Maria, Padre Manuel de Campos, todas datadas de 10 de agosto de 1744 a 30 de abril de 1745, visto que este breve espaço de tempo, para a época, denota o alto patrocínio da obra e o prestígio do autor. A primeira página é dedicada à exposição da Lógica Racional, dividida em quatro livros na página 137, página 138 em branco e um apêndice nas páginas 139 a 151. Na segunda página o autor trata da Lógica Geométrica, com a exposição de dois elementos da Lógica Racional. Euclides, dividido em cinco livros, na página 252 e um apêndice nas páginas 253 a 270. A última página inclui uma terceira parte, que trata da lógica analítica, ou seja, álgebra, dividida em sete livros, na página 191, com um 192 Em branco, um apêndice sobre diversas buscas particulares, de 193 a 211, na página 212 em branco e índice dois capítulos de 213 a 224. D. António Francisco de Bragança, Infante de Portugal, (Lisboa, 1695 - Palácio Real de Alcântara, Lisboa, 1757 ) Quinto filho de D. Pedro II e de sua segunda esposa, D. Maria Sofia de Neuburgo, nunca se casou e levou uma vida dedicada ao estudo, à profunda religiosidade e ao mecenato das artes. Moro sempre no Palácio Real de Alcântara, na Quinta com o mesmo nome, também conhecida como Quinta da Tapada. Como todos os nomes da época mostrou talento para a equitação, a caça e as touradas, mas deu-se especialmente à matemática e às filosofias modernas, nas quais foi dominado por Manuel de Azevedo Fortes, um infante reformado que aproveitou dois dos seus ensinamentos, contestando e ouvindo com muito entusiasmo o professor e outros professores em diversos assuntos. Tem também inclinação para a ciência e um gosto especial pela História, que fala na sua língua materna, latim, francês e italiano"
ID: 655556838

Contactar anunciante

manuel.f.marques

No OLX desde junho de 2021

Esteve online dia 17 de junho de 2024

xxx xxx xxx

Publicado 19 de junho de 2024

"Lógica Racional geométrica e Analítica" D.ANTONIO INFANTE DE PORTUGAL

1.250 €

Negociável

Sobre o anunciante

Localização

Faz download da app:

Parceiros OLX:

Prémios:

  • escolhaconsumidor
  • selo