1. Página principal
  2. Lazer
  3. Livros - Revistas
  4. Literatura Internacional
  5. Literatura Internacional - Lisboa
  6. Literatura Internacional - Lisboa
Raridade - O Bruxo Espanhol de Cassandra Rios
Raridade - O Bruxo Espanhol de Cassandra Rios
Raridade - O Bruxo Espanhol de Cassandra Rios
Publicado 16 de junho de 2021

Raridade - O Bruxo Espanhol de Cassandra Rios

20

DestacarPara o topo
  • Profissional

  • Tipo: Romance

Descrição

O Bruxo Espanhol

de Cassandra Rios

1ª Edição da Spiker (1959)

Encadernação de luxo, com letras a ouro.

218 páginas

Estado de conservação: 5/5 Novo

Presença no mercado: esgotado / muito raro

Resumo e opinião de leitor

DE TUDO UM POUCO:

Acabei de reler O Bruxo Espanhol. A primeira vez que o li eu tinha uns 12 anos e fiquei com uma forte impressão sobre ele. Meio que o encontrei na estante (naquela época cheia de livros dos meus pais e com quase nada de meu) e, apesar da capa horrível, resolvi lê-lo.

A história começa com nosso protagonista, o jovem Gúpi, que havia recebido uma herança de sua falecida e desconhecida mãe e que aplicara o dinheiro herdado construindo um povoado nas terras herdadas.

Gúpi havia sido criado numa vila mais como servente do que qualquer outra coisa, para depois descobrir que por todos aqueles anos sua mãe havia enviado dinheiro para ele ser educado e criado como um fidalgo. O rapaz desejava criar uma cidade com o nome da mãe que não conhecera e, apesar dos imprevistos e dificuldades, estava conseguindo realizar seus planos.

Logo no inicio do livro ele é abordado por um desconhecido (um pastor) próximo a um túmulo erguido no meio da mata e sem nome. O desconhecido desejava comprar as terras onde o túmulo se encontrava. Isto deixa Gúpi curioso e também o fato do desconhecido desaparecer na mata como se houvesse se tornado invisível.

Seguindo o desconhecido Gúpi encontra um castelo abandonado e nele, uma moça linda, nua e com pupilas verticais. A esta altura eu estava cheia de curiosidade. Como assim olhos com pupilas verticais????

A moça, cujo comportamento é semelhante ao de um felino, se entrega a ele e os dois tem uma tórrida cena de sexo. Confesso que fiquei surpresa, especialmente porque não havia romantismo na cena; era um sexo selvagem e animal, bem violento. Em seguida a moça desaparece.

Com o passar dos dias Gúpi fica obcecado tanto com a moça quanto com o Pastor e com o castelo. As dificuldades na construção da cidade aumentam, especialmente quando amuletos de má sorte são encontrados nas portas e janelas das casas dos moradores. Como Gúpi não permitira a construção de uma igreja no povoado, as pessoas começam a se revoltar e acham que a cidade está ameaçada pelo demônio. Não vou entrar em muitos detalhes para não revelar toda a história, que prende a atenção do inicio ao fim.

Bem, eu amei o livro quando o li pela primeira e pela segunda vez. Quando o reli semana passada eu continuei
ID: 539744843
Matéria dos Sábios

Utilizador

Facebook connected icon

Rui Santos

No OLX desde outubro de 2014
Esteve online hoje às 21:34

Localização

Segue-nos nas redes:

Faz download da app:

Prémios:

  • escolhaconsumidor
  • selo